domingo, 3 de julho de 2011

Igual a tantos outros sentimentos, só dura enquanto é alimentado.


Tem dor que vira companhia. Olhando de perto, faz tempo que deixou de doer, só tem fama, mas a gente não solta. Quem sabe, pelo receio de não saber o que fazer com o espaço, às vezes grande, que ficará desocupado se ela sair de cena. Vazio é também terreno fértil para novos florescimentos, mas costuma causar um medo inacreditável. Quando, finalmente, criou coragem e deixou de dar casa, comida e roupa lavada para a tal dor, ela desapareceu.

8 comentários:

Betty Gaeta disse...

Oi Fernanda,
Texto verdadeiro e é preciso tomar cuidado para não cultivar este lado de vítima, pois muita gente se acomoda nele por ser um porto seguro.
Cheguei ao seu blog por acaso e estou achando tudo muito fofo! Estou seguindo vc. Vou ficar muito feliz se vc me visitar e tb me seguir.
Bjkas e uma 3ª-feira maravilhosa para vc.

www.gosto-disto.com

sarah evelyn disse...

gosto de pensar que o fim é apenas uma pausa ou uma virgula no texto da vida,gostei muito daqui e dos textos,estou seguindo segues de volta?
http://teenagersmind-belllaflor.blogspot.com/

Francicleide disse...

Lindo nome o seu,obrigada pela visita,vim retribuir,estou te seguindo também.Beijos.

Betty Gaeta disse...

Oi Fernanda,
Obrigada por ter retribuído a visitinha. Adorei!
Bjkas e uma noite maravilhosa para vc.

www.gosto-disto.com

KINHA disse...

Olá Fernanada

Vim conhecer seu blog, gostei muito e já estou te seguindo. Vou aguardar a sua visita e ficarei feliz se me seguir também.

Aguadem o post sobre as comprinhas que fiz aqui nas terras de Tio Sam

Bjooooooo.............
http…//amigadamoda.blogspot.com

Gabriella Matos disse...

Seu cantinho é mesmo encantador. Fofo, fofo, fofo...

Beijos
http://withbossa.blogspot.com/
@ga_matos

Anyele Matos disse...

Fernanda,
Obrigada pela visita, volte sempre!
Tô te seguindo também. Lindo blog!

Grande beijo.

sarah evelyn disse...

obg pela visita,e pode ter certeza que sempre voltarei,bjs